23
jul
2009
Momento de Reflexão


Diante das adversidades, tanto as provadas quanto as previsíveis, é que se conhecem os amigos.

– José Saramago in “Ensaio sobre a Cegueira”

Esse pensamento aqui, é uma realidade. Durante esse período de enfermidade do Tuninho, pude ver concretamente isso. Temos amigos, irmãos, que, vão conosco ao médico, passam às vezes a manhã inteira conosco. Tem vezes que nos assistem à tarde, sempre presentes. Como diz a Palavra:  Há amigos mais chegados que um irmão.


É bem certo que o difícil não é viver com as pessoas, o difícil é compreendê-las

– José Saramago in “Ensaio sobre a Cegueira”

*** Como é difícil compreender as pessoas. Se você está sempre presente, procura demonstrar carinho e amizade, tem pessoas que não gostam, ou não notam. Se você se afasta, aí começam as cobranças . Eita, como o ser humano é complicado e imprevisível.

Nega-me o pão, o ar,
a luz, a primavera,
mas nunca o teu riso,
porque então morreria.
– Pablo Neruda

***  Eu do nada às vezes me pego sorrindo. São situações engraçadas que vão surgindo que, sozinha eu me divirto. Isso depende do estado de espírito da pessoa e de como encaramos a vida. Nada como viver de bem com a vida.
Acho essa poesia linda. A amizade é um dom de Deus, felizes os que possuem amigos. Aqueles verdadeiros, amigos de todas as horas, prontos para ajudar. Leiam e se maravilhem:

Enquanto houver Amizade

Pode ser que um dia deixemos de nos falar.
Mas, enquanto houver amizade, faremos as pazes de novo.

Pode ser que um dia o tempo passe.
Mas, se a amizade permanecer, um do outro há de se lembrar.

Pode ser que um dia nos afastemos.
Mas, se formos amigos de verdade, a amizade nos reaproximará.

Pode ser que um dia tudo acabe.
Mas, com a amizade
construiremos tudo novamente,
cada vez de forma diferente,
sendo único e inesquecível cada momento
que juntos viveremos e nos lembraremos pra sempre.

Há duas formas para viver sua vida:
Uma é acreditar que não existe milagre,
a outra é acreditar que todas as coisas
são um milagre, até a amizade.

Albert Einstein







20
jul
2009
Felizes os que possuem Amigos


Hoje é Dia do Amigo, ter um amigo é uma dádiva de Deus. Quando falo amigo, falo no sentido genérico  da palavra. Tenho muitos amigos, mas a Palavra diz que, há amigos mais chegados que um irmão. Eu tenho  uma amiga assim , o nome dela é Fátima. Estudamos juntas, fizemos Concurso para a Prefeitura juntas. Fomos trabalhar na primeira Escola, juntas,  e hoje, ela se aposentou por problemas de saúde, mais estamos sempre em contato. É uma amiga que, ora por mim, se preocupa comigo, não me esquece, nunca!  Louvo à Deus pela vida da Fátima, uma amiga com o dom do amor, muito carinhosa. No meu aniversário é de lei, ela se faz presente,  e eu fico radiante de alegria.  Dedico à Fátima,  e a todos vocês esses sábios pensamentos:

“As pessoas realmente ligadas não precisam de ligação física. Quando se reencontram, mesmo depois de muitos anos afastados, sua amizade é tão forte quanto sempre.” [Deng Ming-Dao]

Só existe uma coisa melhor do que fazer novos amigos: conservar os velhos.” [Elmer G. Letterman]

Eu procuro seguir esse conselho. Conservar os velhos amigos. Se entristeci alguém,luto e  me esforço de todas as maneiras para consertar.Mesmo que a pessoa não mais seja a mesma de antes, mais só saber que ela não guarda mágoas, que já liberou o perdão,  já valeu  a tentativa.

“A glória da amizade não é a mão estendida, nem o sorriso carinhoso, nem mesmo a delícia da companhia. É a inspiração espiritual que vem quando você descobre que alguém acredita e confia em você.” [Ralph Waldo Emerson]

Esse ano conheci a Sissym, uma amiga muito querida do DIHITT, foi uma tarde inesquecível. Almoçamos juntas, tiramos várias fotos e nos conhecemos mais um pouquinho, foi muito legal.

01072009058_x1

Minha irmã Selma é muito minha amiga. Apesar de morar longe, sempre se faz presente através de, orações, emails, msn e ligações telefônicas.  As vezes não estamos de corpo presente, mas estamos conectados pelo coração. Se estamos ligados pelo coração, já valeu à pena!!!

Aqui nessa foto, estamos comemorando mais um aniversário da Selma. Ela faz dia 14 de julho, junto com a vovó. Comemoramos lá, na casa de nossa vó,  e comemoramos aqui em casa. A festança foi boa!!!Reunimos boa parte da família.

Aniversário da Selma

Dedico essa linda reflexão a todos os meus amigos, aqueles que vem sempre aqui e me honram com seus comentários, aqueles  que me visitam,  mais não deixam comentário. A todos, indistintamente a todos,  desejo um : Feliz Dia do Amigo!!

Pessoas são presentes
(S. Sheider/H. Hartmann)
Vamos falar de gente, de pessoas.
Existe, acaso, algo mais espetacular do que gente?
Pessoas são um presente.
Algumas têm um embrulho bonito, como os presentes de Natal, Páscoa ou festa de aniversário.
Outras vem em embalagens comuns.
E há as que ficam machucadas no correio…
De vez em quando, chega uma registrada.
São os presentes valiosos.
Algumas pessoas trazem invólucros fáceis de desenbrulhar; de outras, é dificílimo, quase impossível, tirar a embalagem. É fita durex que não acaba mais.
Mas… a embalagem não é o presente. E tantas pessoas se enganam confundindo a embalagem com o presente!
Por que será que alguns presentes são complicados para se abrir? Talvez porque, dentro da bonita embalagem, haja muito pouco conteúdo, e com tanto vazio, com tanta solidão, a decepção seria grande.
Também você, amigo, e também eu, somos um presente para os outros. Você para mim, eu para você.
Triste seria se fôssemos apenas presentes-embalagem : muito bem empacotados e…quase nada lá dentro!
Quando existe o verdadeiro encontro com alguém, no diálogo, na abertura, na fraternidade, deixamos de ser meras embalagens e passamos à categoria de reais presentes.
Nos verdadeiros encontros humanos, acontecem coisas muito comoventes e essenciais. Mutuamente, vamo-nos desembrulhando, desempacotando, revelando …
Você já experimentou essa imensa alegria da vida? A profunda alegria que nasce da alma, quando duas pessoas se comunicam, virando um presente uma para outra?
O conteúdo interno é o segredo para quem deseja tornar-se presente aos irmãos de cada estrada, e não apenas a embalagem.
Um presente assim, que não necessita de embalagem, é a verdadeira alegria que a gente sente e não consegue descrever – só nasce no verdadeiro encontro com alguém.
A gente abre, sente e agradece a Deus.

**  Beijos a todos vocês e obrigada pelo carinho da amizade.
**Esses selinhos ganhei hoje no Dia do Amigo e posto aqui para todos vocês que me visitam:
oi_amigo-334
Esse selo, ganhei da amiga Pachulla do Blog:  No Jardim da Pachulla
selo-amizade
Esse selo , ganhei da minha amiga Mirna do Blog:  Miluz






20
jul
2009
Show Poético de Rubem Alves


Rubem Alves

Rubem Alves

Os poetas sabem que a alma não deseja ir para a frente. A alma é movida pela saudade. A saudade não deseja ir para a frente. Ela deseja voltar.
Andar para a frente pode ser um equívoco.

Rubem Alves in “O AMOR QUE ACENDE A LUA
– O Deus Menino”

.
>A aparência é de um homem solidamente plantado neste mundo. Mas não é verdade. Seu coração e sua cabeça movem-se de acordo com uma lógica estranha de um outro mundo que só ele vê.

Rubem Alves in “O AMOR QUE ACENDE A LUA
– Em defesa da Vida”

.

>Riobaldo de novo: “Toda saudade é uma espécie de velhice.” Velhice não se mede pelos números do chronos; ela se mede por saudade.
Saudade é o corpo brigando com o chronos. De novo o mesmo poema de Ricardo Reis: ele fala do deus atroz que os próprios filhos devora sempre”. Chronos é o deus terrível que vai comendo a gente e as coisas que a gente ama. A saudade cresce no corpo no lugar onde chronos mordeu. É um testemunho da nossa condição de mutilados – um tipo de prótese que dói.
Kairós mede a vida pelas pulsações do amor. O amor não suporta perder o que se amou.

Rubem Alves in “O AMOR QUE ACENDE A LUA
– Um caso de amor com a vida”

.

Lembrei-me das palavras tristes do Vinicius no seu poema O haver, em que fala da “sua inÚtil poesia”. Sinto assim de vez em quando, que aquilo que escrevo é inútil. Os que têm poder nem lêem, e se lêem não levam a sério.

Rubem Alves in “O AMOR QUE ACENDE A LUA
– Em Defesa das Árvores”







18
jul
2009
Este docinho faz bem!


Eu adoro mel, se minha garganta arde, lá vou eu tomar uma colher cheinha de mel puro.  Adoro e não acho sacrifício nenhum. Tem açúcar, tô dentro!!!  Comprovadamente para gripes e resfriados o mel é eficaz. Semana passada, comecei a sentir um incômodo na garganta, tomei mel com própolis de manhã, de tarde e à noite, pronto, acabou-se o mal estar. A garganta está novinha em folha.  Vejamos os tipos de mel e como ajudam a tratar diversas doenças:

Mel com Própolis: Une a propriedade bactericida do mel com efeito antibiótico da própolis. Indicado para quem tem problemas nas vias respiratórias.

Mel com guaco e Própolis:  Graças ao guaco, que facilita a eliminação da secreção com tosse, é broncodilatador, antiasmático e expectorante.

Mel de laranjeira:

Considerado uma das  versões mais saborosas, é calmante, regula o intestino e ainda previne  cãibras e destensões musculares.

Mel com Própolis e Agrião:

É descongestionante, anti-inflamatório e diurético. Também ajuda a limpar o sangue e  melhora a circulação.

Procure pelo selo do SIF( Serviço de Inspeção Federal do Ministério da Agricultura) para ter certeza de que o produto é de qualidade.

Não coloque colheres úmidas ou sujas no pote. Mantenha-o fechado , sem luz ou calor.

Todo o mel puro cristaliza. Quando acontecer, deixe o pote em banho-maria em água morna.

* Para ler esse texto na íntegra, consulte a Revista Viva, julho/2009.







15
jul
2009
Coisas da Ciência Maluca


Essa notícia eu adorei, pois gosto de dormir até tarde. Acordar cedo comigo não rola, me sinto mole, fora de órbita.


Deus ajuda quem dorme tarde

Winston Churchill e Charles Darwin não estavam errados: dormir tarde faz bem. Neurocientista da Universidade de Liége, na Bélgica, descobriram que quem dorme( e acorda ) tarde, tendência que é determinada geneticamente, fica mais alerta e tem reflexos mais rápidos que os madrugadores.

Gatorade funciona melhor se você não engolir

Num estudo inglês, bochechos com isotônico elevaram em até 3% a velocidade de ciclistas profissionais- ganho maior que o obtido quando eles ingeriram a bebida. É que o bochecho engana o cérebro ( ele pensa que está se alimentando e dá mais  ânimo ao atleta). Mas, como o líquido não é engolido, o sistema digestivo não chega a ser acionado- e sobra mais energia para o exercício.

* Essa interessante matéria se encontra na revista Super Interessante de julho/09

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...